Orçamento para Revisão de Texto em Porto Alegre

Sou Revisor de Textos há mais de dez anos. Consulte o meu currículo e o meu portfólio para conhecer um pouco mais de meu trabalho. Também tenho uma série de artigos e vídeos sobre o tema no Youtube:
Contabilizo o meu serviço com base no conceito de lauda. Considero que uma lauda equivale a 1300 caracteres com espaços.
Veja a indicação de cada um de meus serviços nesta página. Para solicitar orçamento, envie um e-mail para: andersonhander@gmail.com ou servicos@criteriorevisao.com.br
Se você mesmo quiser saber o custo de meu serviço, assista ao meu vídeo no Youtube:
https://www.youtube.com/watch?v=pGJjd5OFJV0&t=250s
A seguir, compartilho um exemplo de orçamento enviado a um cliente de Porto Alegre, para que vocês conheçam como trabalho.
______________________________________________________________________
Prezado cliente, boa noite!

O seu trabalho contém 32.007 caracteres com espaços, ou seja, 24,62 laudas.
Custo
24,62 x 12,00 (Revisão Ortográfica e Gramatical, e Formatação) = 295,44 reais
Prazo de entrega
Quarta-feira, às 14 horas.
Aguardo confirmação!
Estou à disposição.
Saudações.
Share on Facebook

5 razões pelas quais textos devem ser revisados

1. Todo texto constitui um processo de construção, sempre, inacabado. Quanto mais revisões são feitas em um texto, em momentos diversos, melhor este estará estruturado e escrito. Inclusive, a primeira revisão, sempre, deve recair sobre o autor do próprio texto. É importante planejar o texto, antes de escrevê-lo, e, após a redação, a revisão é fundamental.

2. Ainda que alguém se considere um bom escritor, precisará de revisão, sempre. Colocar-se no lugar de alguém que não comete erros é presunçoso. E qual é o problema em relação a isso? Não importa o quão maravilhoso(a) alguém se considere, o texto terá erros e sempre poderá ser melhorado (o nosso pensamento não é perfeito. A escrita reflete o pensamento, e a Língua auxilia à organização do pensamento, mas não é um processo absolutamente perfeito).

3. Se é complicado falar em “plenitude” para o texto, mesmo após a revisão deste, imagine se este não for revisado? O texto, como produto de nosso pensamento, precisa ser, antes, durante e após o processo de redação e publicação, revisado. Não há garantias absolutas em relação ao texto, especialmente quando este não é revisado.

4. Ainda que não haja problemas gramaticais ou ortográficos no texto, pode haver problemas relativos a aspectos não verbais, que se referem, também, à língua, como as cores utilizadas neste, a distribuição dos parágrafos, organização dos capítulos do texto, a distribuição das ideias ao longo do texto, uso de determinados caracteres, layout de página. E, dependendo do serviço contratado, a revisão recai, também, sobre esses aspectos (eu os intitulo de Revisão Crítica). Também é possível deixar o estilo do texto mais adequado para determinado gênero (mesmo que estilo seja de cada um, determinados estilos não devem vigorar para textos acadêmicos, por exemplo).

5. Os filósofos já diziam que o olhar do outro é “melhor”. Isso significa que, às vezes, estamos presos em nossa própria realidade, em nosso próprio olhar. Nesse sentido, um olhar lúcido de um terceiro, experiente, é fundamental. É nesse sentido que surge o Revisor de Textos. Ele surge para trazer ao texto certa lucidez, ele é um terceiro que traz grandes contribuições, mas deve-se lembrar que ele não é autor.

Share on Facebook

Como escolher o título de tese/dissertação

O que o título deve revelar?

Anteriormente ao processo de reflexão sobre o título do trabalho, é preciso, minimamente, ter em mente o “esqueleto da pesquisa”. O título constitui trecho “mais genérico”, em relação à complexidade de toda a pesquisa, embora deva revelar o recorte temático. Portanto, deve-se olhar para o todo, a fim de buscar a “amplitude” da pesquisa. Vale lembrar, nesse momento, em relação à redação do texto, que a pesquisa não é o texto acadêmico. A pesquisa se refere aos vários momentos da investigação, e o texto apresenta parte desse processo.

Exemplo de título de trabalho acadêmico

Antes de pensar objetivos geral e específico, bem como metodologia e, principalmente, recortar o tema, não será possível pensar o título do trabalho. Portanto, organize o “esqueleto de seu trabalho”, pense em cada uma de suas seções, mesmo que estas não estejam completamente definidas, faça projeção do que será desenvolvido (como e por que), para conseguir, também, projetar o título. Em um primeiro momento, o título não precisa ser definitivo. Eu modifiquei o título de minha pesquisa, ao menos, 10 vezes, desde o título proposto no pré-projeto ao título final atribuído à dissertação em si.

O título está bastante associado ao recorte temático do trabalho. Não é possível pensar título algum sem pensar o recorte temático do trabalho. Se trouxer “trocadilhos” em seu texto acadêmico, se sua área permitir, se buscar fazer um jogo com as palavras para revelar sentidos que se articulem ao seu recorte temático, é possível, também, fazer esse jogo com as palavras com os títulos, especialmente em áreas de humanas. Por exemplo, eu desenvolvi uma pesquisa acadêmica sobre cidadania. E o meu trabalho trouxe uma análise sobre o discurso de cidadania na Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF).

Como organizar o título

Por isso, eu organizei os títulos de meu texto fazendo alusão à ideia dos trilhos e do Metrô em si. Como eu trouxe uma leitura da obra “viajar e punir”, ao contexto de cidadania do meu trabalho, fiz um trocadilho entre o nome da obra de Foucault “Vigir a punir” e o título de meu texto: “Viajar e punir: processos interacionais e discursivos para (des)construção de cidadanias na Companhia do metropolitano do Distrito Federal”. Além de o título trazer uma ênfase a um dos referencias teóricos utilizados em minha pesquisa, o título também destacou o tema mais genérico (cidadania), bem como o tema específico relacionado à minha ciência, linguística, “discurso de cidadania”. Esse foi um trabalho na área de sociolinguística interacional, então, o título, também, trouxe referência a esse ramo: “processos interacionais e discursivos”.

O enfoque/abordagem/título da pesquisa pode ser revelado por meio do título!

É possível trazer a dimensão para o título de acordo com o que deseja destacar e evidenciar. Nesse momento, vale o afastamento das dicas de desenvolvimento de dissertações de redações de vestibulares. Inclusive, é por essa razão que você deve encaminhar o seu texto acadêmico a um Revisor de Textos que tenha desenvolvido pesquisa acadêmica, porque um revisor mais generalista não terá esse olhar. Para que ele tenha esse caráter, é preciso que você faça as devidas referências às correntes de sua área, teorias, recorte temático e até teorias ou maneiras de desenvolver pesquisa, para instigar e revelar a essência de seu trabalho ao leitor.

É preciso deixar pistas no título da abordagem do trabalho. Isso, além de situá-lo de acordo com determinada área de pesquisa, também instigará o leitor, em virtude de ser um título atraente. Acho importante, também, pensar nessas questões para que os títulos não sejam tão “pesados” e para que a leitura do texto acadêmico não seja tão “maçante”, para que não carregue todo aquele formalismo rigoroso que, às vezes, limita a curiosidade pela sua leitura, bem como desestimula o leitor.

Resumidamente, posso dizer que os títulos devem ser pensados, lançando-se olhar para os seguintes aspectos da pesquisa:

  1. recorte temático do trabalho;
  2. problema/hipótese/questionamentos de pesquisa;
  3. teorias e paradigmas científicos relacionados à sua investigação;
  4. objetivos geral e específico do trabalho;
  5. maneira pela qual o trabalho foi organizado bem como metodologia.

Cuidado para não deixar o título muito extenso. É preciso que o título apresente, especificamente, apesar de seu caráter genérico em relação à pesquisa em si, o recorte temático.

A estrutura do título

Se o estudo for muito complexo, você pode pensar nessa questão utilizando dois pontos ou meia-risca, de maneira a segmentar parte do título de um lado, fazendo paralelo com a outra parte do título, como foi o caso do título de minha dissertação: VIAJAR E PUNIR (parte 1): PROCESSOS INTERACIONAIS E DISCURSIVOS PARA (DES)CONSTRUÇÃO DE CIDADANIAS NA COMPANHIA DO METROPOLITANO DO DISTRITO FEDERAL (parte 2).

Segmente, se for necessário, o título em relação a determinado contexto e tempo. No meu caso, eu me referi à Companhia do Metropolitano, no Distrito Federal. É importante revelar, acredito, o estado, se for o caso, onde o estudo ocorreu, acredito que esta seja parte relevante do título. Em outros contextos, é muito relevante especificar, no título, o tipo de pesquisa realizada, bem como deixar claro o método de análise (se for o caso).

Essas questões dependem do enfoque que você pretende dar à sua pesquisa. Cada pesquisa é única por seu enfoque. É preciso trazer à realidade investigada o olhar que se articula ao que você quer fazer.

Share on Facebook

Revisão Ortográfica e Gramatical em Brasília

Anderson Hander, Revisor de Textos

Prezado cliente de Brasília-DF, seja bem-vindo(a) ao meu site! Atuo, há mais de 10 anos, como Revisor de Textos. Sou mestre em Linguística pela Universidade de Brasília (UnB) e especialista em Revisão de Textos pelo Centro Universitário de Brasília (UNIceub). Fui treinado por um programa de estágio em Revisão de Texto pelo Supremo Tribunal Federal (STF), Seção de Padronização e Revisão de Textos e revisei, nos últimos anos, mais de 50 mil laudas.

Tenho registro no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e mais de doze atestes de capacitação técnica emitidos por instituições governamentais e outras como a Organização das Nações Unidas (ONU), e Fundação Cultural Palmares (FCP). Certamente, você tem interesse em saber mais sobre a minha formação. Portanto, acesse o meu currículo e o meu portfólio. 

Orçamento e tipos de Revisão

O meu orçamento segue a contagem de caracteres com espaços. Portanto, considero uma lauda (e não página) equivalente a 1300 caracteres com espaços. Página é termo impreciso, e pode considerar, inclusive, indevidamente, página em branco.

Verifique a contagem de caracteres com espaços de seu trabalho para estimar o custo do serviço. Clique, à esquerda, na barra (azul) inferior do Word, em PALAVRAS. Em seguida, abrirá uma caixa de palavras com a contagem de caracteres com espaços. Antes de clicar nesse botão, deixe o texto desmarcado; caso contrário, o programa contabilizará, somente, o trecho selecionado de seu texto.

Se preferir, envie o seu trabalho, sem compromisso, para que eu faça orçamento, avalie a qualidade da escrita de seu texto e indique o serviço adequado. Deleto todos os e-mails de clientes que recebo e garanto, inclusive, por meio de declaração, confidencialidade.

Ofereço os seguintes serviços: Formatação (conforme a ABNT ou manual desejado): 4,00 reais a lauda. Revisão ortográfica e gramatical5,00 reais a lauda.  Revisão ortográfica e gramatical  + formatação (ABNT ou manual desejado): 7,00 reais a lauda.  Revisão crítica10,00 reais a lauda. Revisão crítica + formatação (conforme ABNT ou manual desejado): 12,00 reais a lauda. Leia mais.

Contato

Atendo a todo o Brasil em horário comercial, durante a semana. Solicite orçamento para Revisão ou Formatação de Textos (conforme APA, ABNT ou manual próprio), agende uma consultoria Linguística ou solicite informações a respeito de meus cursos e e-books. Deixe o seu recado em minha caixa de e-mail comercial ou pessoal.

E-mails: andersonhander@gmail.com ou servicos@criteriorevisao.com.br

Telefone: (61) 99801-6596 (Whatsapp). Skype: criteriorevisaotextual. Instagram: @criteriorevisao

Share on Facebook

Anteprojeto de mestrado

Anteprojeto de mestrado

Para começar, primeiramente, utilize os tópicos que são estabelecidos no edital em relação às seções do seu pré-projeto (se houver). Geralmente, os pré-projetos apresentam capa com título, introdução, justificativa, referencial teórico, metodologia, cronograma e referências. Cuidado para não confundir as seções de uma dissertação com as seções de um pré-projeto. Alguns editais solicitam inserção de objetivos (geral e específico) em pré-projeto, outros não.

Abra um documento de texto em seu computador, intitule-o, salve-o em uma pasta e inicie a redação deste intitulando cada uma das seções, distribuindo-as ao longo do texto. Você pode, inclusive, buscar algum modelo na internet, mas tenha olhar crítico para analisar as seções que estes sugerem. Lembre-se, também, de consultar o seu edital. Se o edital, ainda, não tiver sido publicado, você pode desenvolver o pré-projeto anteriormente, sim, mas, após a publicação do edital, terá de reformular o seu projeto e adequá-lo às exigências do novo edital.

Introdução

Pode parecer um pouco óbvio desenvolver um texto introdutório. Às vezes, tenho essa sensação, quando explico aos meus clientes e seguidores como redigir uma introdução Apresente o tema e o recorte de sua pesquisa na introdução. Comece pelo tema genérico e, em outros parágrafos, apresente o tema recortado. Você até pode trazer, embora não seja muito comum, alguma citação em sua introdução. Se não houver uma seção específica para justificativa do pré-projeto, acredito que seja importante apresentar ao menos um parágrafo com a justificativa do pré-projeto. Articule o seu recorte temático à sua ciência. Senão houver uma seção específica sobre o problema de pesquisa (um trabalho acadêmico pode ser construído com base em um problema de pesquisa, questionamentos de pesquisa, ou…) […]

Gostou deste material? Então, leia mais em meu GUIA PARA ELABORAÇÃO DE PRÉ-PROJETO DE MESTRADO.

Pré-projeto de mestrado

Share on Facebook

Ilha Solteira ‒ Revisão de Texto

Ilha Solteira ‒ Revisão de Texto

Você está escrevendo o seu trabalho de conclusão de curso, dissertação de mestrado, tese de doutorado ou precisa revisar um livro antes de publicá-lo? Necessita de revisão para empresa/ONG por preços acessíveis e trabalho de qualidade? Entre em contato conosco. Somos um grupo de revisores da UnB (Universidade de Brasília), da graduação e da pós-graduação. Trabalhamos com revisão de texto há cinco anos. Revisamos monografias, teses, dissertações, livros, anúncios publicitários, redações de vestibulares (atuamos em 2013 no processo de correção de redações do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM)) e também prestamos serviços de revisão para órgãos públicos.

Obs: possuímos CNPJ, atestado de capacitação técnica, emitimos nota fiscal e, também, temos registro no CNPq.

Atenção: nós não elaboramos trabalhos acadêmicos. Isso é uma atividade ILEGAL.

Valores e serviços 

1 – Formatação (conforme a ABNT, APA, Vancouver ou manual desejado): 4,00 reais a lauda. Inclui checagem a respeito de formatação das Normas da ABNT ou manual desejado*;

2 – Revisão Ortográfica e Gramatical: 5,00 reais a lauda. Inclui revisão ortográfica conforme o Novo Acordo Ortográfico, observação de aspectos de concordância/regência nominal e verbal, crase, pontuação e outros aspectos gramaticais relativos à linguagem do gênero textual proposto;

3 –  Revisão Ortográfica e Gramatical  + formatação (ABNT ou manual desejado): 7,00 reais a lauda.  Inclui revisão 2 + formatação (ABNT/outros);

4 – Revisão Crítica: 10,00 reais a lauda. Inclui revisão 2 (Revisão Ortográfica e Gramatical), além de sugestões estilísticas, *reescrita/sugestão de reescrita de parágrafos mal elaborados, adequação vocabular, progressão textual e aspectos de coesão e coerência. Essa revisão também inclui sugestões e dicas em relação ao gênero textual proposto.

5 – revisão crítica + formatação (conforme ABNT ou manual desejado): 12,00 reais a lauda.  Inclui revisão 4 e contempla algumas questões relativas à padronização de seu texto que não são estabelecidas, por exemplo, pelas normas da ABNT (ou pela maioria dos manuais universitários) e por manuais gramaticais ou ortográficos, como é o caso de uniformização de siglas, uniformização de pontuação ao final de enumeração, uniformização de iniciais minúsculas ou maiúsculas, uniformização de extensão de parágrafos, enfim, questões relacionadas à lógica organizacional do próprio texto e de seus elementos.

Obs: 1 lauda = 1.300 caracteres.

* Em virtude do conteúdo do texto, alguns períodos terão de ser reescritos pelo próprio autor.

* Eu não padronizo o trabalho para o aluno, o trabalho precisa ser enviado organizado.

Em arquivo Word, as alterações serão marcadas por meio da ferramenta REVISÃO. Em alguns casos, haverá sugestões em caixas de comentários do documento, que precisam de mediadas pelo escritor. Após a finalização de nosso serviço, basta ACEITAR ou RECUSAR as alterações realizadas(em caso de dúvidas, nós iremos auxiliá-lo(a), nesse processo).

Esse processo é importante para que você visualize as alterações feitas em seu texto para compará-las, se desejar, com o seu texto original.

Em arquivo Pdf, há apenas sugestões de reescrita em caixas de comentário.

Se você desejar personalizar essa etapa, envie-nos a sua sugestão e as marcações da revisão serão adequadas às suas necessidades. Caso seja solicitado, também oferecemos pacotes de revisão personalizados. Envie-nos um e-mail para solicitar um orçamento.

ATENÇÃO: NÃO oferecemos “revisões infinitas”. Cada revisão custa um valor. Consideramos revisão de texto como um processo e não como um resultado absoluto, quantitativo e positivista. Não compartilho do pensamento de alguns que consideram-me como um MESSIAS de seus textos mal escritos, um Zaratustra vernáculo cimarrón que faz “milagres textuais”. O texto, antes de qualquer revisão, é produto da subjetividade humana e a linguagem de cada texto depende do gênero textual proposto.

Formas de pagamento

À vista ou em até 12 vezes no cartão de crédito (visa/mastercard).

Prazos de entrega 

Os nossos prazos são variáveis, mas, em média, para cada 100 laudas, solicitamos prazo mínimo de 4 dias.

ATENÇÃO, se você necessita de prazos inferiores aos que informamos, cobramos adicional de 1,50 por lauda sobre o serviço, se pudermos atendê-lo(a).

Contatos

Facebook: https://web.facebook.com/criteriorevisao/ (curta a nossa página no Facebook!)

Telefone: (61) 99801-6596 (Whatsapp)

Skype: criteriorevisaotextual

E-mail: andersonhander@gmail.com ou servicos@criteriorevisao.com.br

Instagram: @criteriorevisao (siga-nos!)

Aguardamos o seu contato.

Share on Facebook

Superpopulação: o caminho para o colapso da humanidade

Superpopulação: o caminho para o colapso da humanidade

Recentemente, li  matéria do site Globo.com a respeito de  campanha, no sul do país, que buscou conscientizar a população sobre a importância do planejamento familiar. O slogan da polêmica propaganda da Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul, dizia: “só tenha os filhos que puder criar” . Eu me inspirei nessa propagando para redigir este texto.


Link para leitura do texto do site Globo.com:https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/campanha-com-o-slogan-so-tenha-os-filhos-que-puder-criar-gera-polemica-em-quarai.ghtml?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=g1


Gente demais significa problema demais!  Ainda mais em um estado onde essa gente não é inteiramente cidadã (como Machado de Assis já dizia: “Ao vencedor, as batatas”, não há batata para todo mundo). E os argumentos não terminam por aí. Temos recursos limitados (não só no Brasil) e este é, também, um problema ambiental em nível nacional e internacional.

Vejam o que o consumo massificado (por exemplo o turismo) tem feito com algumas cidades pelo mundo, alguns lugares estão irreconhecíveis, especialmente com a sujeira! Esta é, por exemplo, uma característica que agrava os problemas de uma cidade. Além disso, o dito ser humano já é espécie um tanto quanto indesejável, imaginem uma superpopulação, como as projeções da própria ONU apontam, em relação à qualidade de vida?

No Brasil, somos ensinados pelos grandes movimentos sociais a pensar a superpopulação como sinônimo de diversidade, ou ela se revela em processo de favelização, e nós intitulamos as nossas favelas como “comunidades” para mascarar a nossa impotência e fragilidade diante desse tema. Os próprios ditos países-modelos de desenvolvimento têm, em sua maioria,  população não tão elevada, e, mesmo assim, têm problemas (ambientais, conflitos em relação à identidade, desemprego, vejam o caso do Leste Europeu).

Há, também, todo um mal estar gerado por esse excesso, o que torna a vida nas cidades grandes cada vez mais insuportável. Viver em comunidade é  bom, mas não em uma comunidade tão grande, que nos quantifica e banaliza a nossa existência. A civilização, especialmente a nossa, brasileira, chegará ao colapso nos próximos anos, e uma das razões, acredito, é a superpopulação.

 

Share on Facebook

Formulação de problema de pesquisa

O problema é formulado, geralmente, em formato de questionamento. Algumas áreas, inclusive, utilizam o termo “questionamento(s)” de pesquisa e isso já seria o seu “problema”.

Conceba o problema como uma questão científica não resolvida e que pode ser levada para discussão. O problema de pesquisa não necessariamente precisa ser um “problema” a ser “resolvido”.

Às vezes, você, como pesquisador(a), também não conseguirá trazer uma solução para o “problema”, mas o seu trabalho, já apontando o “problema”, pode ser bastante significativo para uma solução futura por parte da comunidade científica de sua área.

Para Kerlinger (1980, p.35) o problema consiste em “uma questão que mostra uma situação necessitada de discussão, investigação, decisão ou solução”.

Para formular o seu problema, você deve pensar o seguinte em relação ao seu objeto de estudo/recorte temático:

• Qual é o meu objeto de estudo? Quais as características deste?

• Quais suas causas? Quais suas consequências (se houver?)?
Pense, também, o seguinte para formular o seu problema:

• O problema é relevante em termos sociais e científicos?

• Mesmo que seja relevante, o problema é viável de ser investigado em termos financeiros e em relação ao período de pesquisa durante o mestrado?

Lembre-se de que você deve formular “problemas” específicos, para que consiga realizar a sua pesquisa. Você, como pesquisador, não dará conta de toda a realidade a sua volta, então, é preciso recortar o seu tema e, mesmo após o recorte, formular o problema, o que seria o enfoque mais aprofundado da sua pesquisa.

Lembre-se, também, de que o recorte temático deve estar relacionado, necessariamente, aos objetivos gerais e específicos, bem como à justificativa e a metodologia do trabalho.

Continue a leitura desse texto, caso tenha gostado. Adquira o meu e-book neste link: GUIA PRÁTICO PARA ELABORAÇÃO DE PRÉ-PROJETO DE MESTRADO.

Pré-projeto de mestrado

# Problema de pesquisa

 

Share on Facebook