Página, termo esvaziado de conceito: memórias de um Revisor de Texto

Página, termo esvaziado de conceito: memórias de um Revisor de Texto
Página, termo esvaziado de conceito: memórias de um Revisor de Texto
Neste post esclareço algumas definições importantes ao universo de Revisão de Texto, diferenciando página e lauda. Também explico porque alguns revisores, diagramadores e profissionais que lidam com texto adotam o conceito de lauda e o que este implica em relação à prestação de serviço.
[Trecho de uma resposta minha a uma cliente que solicitou orçamento, mas enviou o trabalho em pdf para contagem de caracteres com espaços. ]
Você precisa encaminhar o seu trabalho em formato Word para que eu faça a contagem. Em Pdf, como você enviou, não é possível fazer contabilização de caracteres, tive de salvar o arquivo em txt, abri-lo no Word e fazer a contagem. A contagem que o Word indicou foi esta que lhe passei. Provavelmente, na conversão do arquivo, houve contagem de caracteres relativos a tabelas, figuras… quanto à sua contagem, preciso verificar o trabalho para, de fato, conferir. Só autorizo orçamentos quando eu mesmo abro o arquivo e o vejo, para evitar mal entendidos.
 Um esclarecimento: não é comum tradutores e revisores trabalharem com o conceito de página, uma página é um conceito muito genérico, por exemplo, posso compactar em uma “página”, tamanho A4 (existem páginas de vários tamanhos), com espaçamento reduzido, fonte 10, vários caracteres e dizer que é uma “página”, o que a diferencia, por exemplo, de uma outra página, com espaçamento maior, fonte 12 e com tabelas (ou no caso de trabalhos com páginas em branco). O conceito de lauda considera os caracteres de um texto, ou seja, o que é mensurável, objetivo e “concreto” para a revisão, aquilo que os olhos de revisores e tradutores trabalham, evitando, também, que sejam contabilizadas páginas em branco. Uma lauda pode variar entre 1000 a 1600 caracteres com espaços, isso varia de revisor para revisor. A minha contagem é 1300 como esclareço em meu site.
Portanto, no caso de seu trabalho, embora tenha 45 páginas (conforme a contagem do seu Word), essa contagem pode variar para mais ou menos laudas, isso depende da quantidade de caracteres redigidos em seu trabalho. Página é um conceito esvaziado. Trabalho com publicação de obras literárias, cartilhas etc e, às vezes, um livro com 200 “páginas” redigidas, como supõem alguns clientes, é impresso com mais “páginas” ou menos “páginas”, dependendo do formato desta, bem como de questões relacionadas ao serviço de Diagramação. Ou seja, o fato de o seu trabalho ter 45 páginas, como indica o seu Word, não significa que ele terá, necessariamente, menos de 45 laudas (talvez se você retirar alguns trechos, sim).
Share on Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *