Redação e estilo de dissertação de mestrado

Todas as reflexões propostas neste post valem, apesar de eu enfatizar a dissertação de mestrado, para Artigo Científico, Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), Dissertação de Mestrado, Tese de Doutorado, bem como para qualquer texto acadêmico

Obs: não se esqueçam de curtir a minha página, compartilhá-la em seu Facebook e indicá-la aos amigos.

Considerações sobre o resumo

O resumo constitui texto redigido de forma cursiva, concisa, respeitando a estrutura do original e reproduzindo somente as informações mais significativas, como: recorte temático, objetivos, método, técnicas de abordagem, descobertas, valores numéricos, resultados e conclusões.

Se optar pelas formas verbais no texto no presente do indicativo, ou no pretérito perfeito, siga, também, para o resumo, a mesma orientação. Isso trará maior harmonia ao texto.

Vale lembrar que o resumo deve ser redigido como um texto corrido, sem marcação de parágrafos ou recuos. Além disso, deve incluir palavras representativas do tema do texto. A NBR 6028 (ABNT, 2003) recomenda a inclusão de palavras-chave abaixo do resumo, antecedidas do termo: Palavras-chave. Ao escolher as palavras-chave para o resumo, lembre-se de mantê-las em ordem alfabética, assim como as referências bibliográficas do trabalho.

Considerações sobre o corpo do texto

O texto deve ser redigido usando-se o verbo na voz ativa (prefira, também, a ORDEM DIRETA DA ORAÇÃO: sujeito + verbo + predicado. Ex: Esta (sujeito) dissertação investiga (verbo) o… (predicado). Alguns cursos aceitam uso de primeira pessoa do singular (eu) ou do plural (nós), outros aceitam, somente, uso de terceira pessoa do singular. Isso varia de acordo com os paradigmas científicos de cada área, converse com o seu orientador.

NÃO DIALOGUE, explicitamente, com o leitor em seu texto acadêmico, como eu dialogo, por exemplo, neste post, com VOCÊ, PREZADO CLIENTE E SEGUIDOR! Desconsidere o estilo de textos de redes sociais ou de blogues para redigir o seu texto acadêmico. Tente se afastar de linguagem informal, evite gírias e, também, jargões técnicos de sua área.

Após redigir o seu texto, corte excessos, busque por repetições e termos desnecessários, e os retire. Procure uniformizar determinados usos. Se o seu trabalho, por exemplo, for da área de Educação, evite o termo “aluno”, vocábulo bastante criticado nessa área. Ao optar por um novo termo, uniformize todas as ocorrências no texto para que haja harmonia.

Envie o seu texto para um Revisor de Texto revisá-lo. Solicite, ao menos, uma Revisão Ortográfica e Gramatical. Todo texto precisa ser revisado, seja ele escrito por um doutor, mestrando, seja ele bem ou mal planejado.

Share on Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *